2 de nov de 2015

Livro #36: A Playlist de Hayden de Michelle Falkoff

A Playlist de Hayden de Michelle Falkoff, foi um desses livros que te conquista pela capa, tão simples e enigmática que me fez quere-lo mais que tudo. Imagina minha surpresa quando a Novo Conceito me enviou um exemplar.

APlaylist_Hayden


A história do livro é foca em Sam e Hayden, dois garotos de quinze anos, estudantes do ensino médio e que se sentem desajustados. Um é o melhor e único amigo do outro, eles não têm namoradas, não fazem parte de algum clube e não interagem com ninguém além deles. Ambos são vítimas de bullying, mas é Hayden quem mais sofre com as perseguições, ao contrário do amigo, ele não é muito inteligente, tem dislexia e dificuldade de aprendizagem, é gordinho e baixinho.
O pior de tudo, é que Hayden é vítima do próprio irmão, o valentão do time de futebol.
A amizade de Sam e Hayden é linda. Eles têm apenas um ao outro e pela primeira vez vão estudar na mesma escola. Ambos se consideram geeks, amam jogam de videogame e de computador, adoram HQ’s, música indie e se consideram irmãos.
Porém, após uma festa que não terminou bem, Sam encontra Hayden morto, suicídio. E após constatar o fato inrrevercivel Sam encontra um pen drive e um bilhete.


Sam entra em um ciclo vicioso, raiva/culpa/saudade, pois acredita que o que aconteceu com o amigo é culpa sua. Porém, o que Sam descobre no pen drive é uma playlist, algumas músicas ele conhecia e outras entanto, mas apenas ouvi-las e tentar entender o que Hayden queria dizer era impossível, ele precisava descobrir o que aconteceu no segundo piso da festa, ele sabia que o que havia acontecido ali tinha sito o estopim para a decisão suicida do amigo.


"Sentir raiva só reiniciava o ciclo, um ciclo que já se tornava familiar. Ficar com raiva. Culpar Hayden. Sentir culpa. Ficar com saudade do meu amigo. Sentir raiva de novo. Tudo isso era ocasionalmente pontuado por um desejo quase incontrolável de gritar ou destruir coisas, apesar de eu não ser capaz de fazer nada disso."


No caminho das descobertas Sam, vai encontrando pessoas que se solidarizam com ele e tentam ajudá-lo a superar o trauma, vão desde a irmã que antes mal lhe dava moral a garotos da escola com quem nunca havia falado antes. Entre eles destacam-se Jimmy o namorado bad boy da irmã que viveu algo semelhante, o conselheiro da escola e Astrid, a garota misteriosa que conheceu após o velório de Hayden.
Embora na capa do livro, venha escrito: Você nunca conheceu uma pessoa. Até ouvir o que ela gosta... a playlist de Hayden não nos ajuda a entender o personagem, o que somente acontece após todos os mistérios terem sido revelados. Porém, cada capitulo recebe uma das vinte e sete músicas da playlist, algumas bem conhecidas como Pumped Up Kicks do Foster the People e outras antigas e desconhecidas, algumas são tão sugestivas que te permite desvendar os mistérios do livro (embora algumas deixem Hayden ainda mais misterioso), antes mesmo de ler sobre ele, como o caso da música Allison, esta música me entregou o livro todo.
Durante a investigação de Sam, algumas coisas estranhas acontecem, e ele se vê em meio a um outro mistério, sem saber se poderia confiar em si próprio, Sam quase vai a loucura.
Com o tempo Sam encontra as pistas para o que realmente aconteceu, e ele percebe o quanto esteve enganado sobre as pessoas. Você não pode dizer que conhece bem uma pessoa, porque todas têm segredos, até Hayden tinha os seus.
Embora esperasse mais do livro, A Playlist de Hayden me agradou, ainda mais pelo final. E foi bom ler uma narrativa onde o foco não fosse romance ou a superação dos traumas da adolescência, porque afinal, nem todos aqueles que sofrem bullying superaram os traumas vividos na escola.
Neste livro você ainda encontra valores morais, relacionamentos interpessoais e familiares, amizade, e acima de tudo visão. Visão para perceber o mundo a sua volta e que nem tudo é preto e branco como você acredita.
O tom melancólico da narrativa permiti ver além da ficção, Michelle soube bem como passar um sentido de realidade, e isso vale a pena ler.
Sobre o aspecto físico do livro, bem não há o que criticar, a capa simplista é perfeita e te passa bem o que o livro traz, a dia gramatura, revisão e espaçamento são perfeitos, conduzem o leitor por uma leitura leve e rápida.
Caso tenha interesse, a Novo Conceito disponibilizou um site com informações sobre o livro, incluindo a playlist, então acesse e ouça o que Hayden tem a dizer: http://aplaylistdehayden.com.br/playlist.php.

4

Sobre o Livro
Titulo: A Playlist de Hayden
Subtitulo: Você nunca conhece uma pessoa até ouvir o que ela gosta
Autora: Michelle Falkoff
Preço de Capa: R$ 21,90
ISBN-13: 9788581637044
ISBN-10: 8581637043
Ano: 2015 / Páginas: 288
Idioma: português
Editora:
Novo Conceito
Genero: Drama / Jovem adulto / Literatura Estrangeira / Romance
Nota no Skoob: 3.9
Sinopse: Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola, o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente. Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava. A PLAYLIST DE HAYDEN é uma história inquietante sobre perda, raiva, superação e bullying. Acima de tudo, sobre encontrar esperança quando essa parte parece ser a mais difícil.

Sobre a Autora
MICHELLE FALKOFF é graduada pela Iowa Writers’ Workshop e hoje é a Diretora de Comunicação e Lógica Jurídica da Northwestern University School of Law. A PLAYLIST DE HAYDEN é o seu primeiro livro.

Quer saber mais sobre o livro, assista ao booktrailer.


http---signatures.mylivesignature.com-54492-348-8CDC41FCD38DF5750D599C05656C608C

4 comentários:

  1. Ainda bem, que por mais que eu leia varias resenhas dos livros, quando vou executar sua leitura é como se meu cérebro nunca tivesse ouvido ou lido nada kkkk.
    Ganhei recentemente o livro e já esta em minha meta pessoal de leitura. Sou bem curiosa com essa historia, em descobrir o ponto chave do porque Hayden se matou. Acredito que irei gostar muuuuito do livro.

    Bjss

    ResponderExcluir
  2. Já tinha ouvido falar deste livro, mas não sabia ao certo do que se tratava!! É uma história triste e comovente!! Assisti um filme em que a garota se suicida ao ver suas fotos íntimas em uma rede social. Ela não conseguia ir em lugar algum sem sofrer bullying!! As amigas se afastaram dela e aí ela não aguentou a pressão!! Gostaria muito de ler o livro porque de certa forma, ele nos faz saber como lidar com estas situações!!

    ResponderExcluir
  3. Estou ouvindo falar bastante desse livro (na maioria das vezes, bem) mas nunca li nenhuma resenha sobre o que realmente se tratava. Suicídio é um assunto MUITO pesado e acho que nesse livro foi contato de uma maneira mais "sútil", frisando a amizade entre os dois garotos. Com certeza deve ser um livro lindo, quero lê-lo no ano de 2016.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Estou ouvindo falar bastante desse livro (na maioria das vezes, bem) mas nunca li nenhuma resenha sobre o que realmente se tratava. Suicídio é um assunto MUITO pesado e acho que nesse livro foi contato de uma maneira mais "sútil", frisando a amizade entre os dois garotos. Com certeza deve ser um livro lindo, quero lê-lo no ano de 2016.
    Beijos

    ResponderExcluir

Sua opinião é sempre importante, por isso espero seu comentário!
Critique, de sugestões, elogie, comente.

Julielton Souza