1 de mai de 2015

Livro #23: A perseguição de Sidney Sheldon

Preliminares

CapturarO avião se inclinou devagar, seguiu para oeste, na direção do sol poente. Ele e os pais finalmente voltavam para casa.

Masao pensou em tudo o que lhe acontecera naquele país.

Pensou em Higashi e na luta mortal que haviam travado.

Recordou a maratona e Jim Dale.

E Pete e AI.

E a DisneyIândia e os estúdios da Universal. E o tenente Brannigan. Masao também pensou em Sanae e compreendeu que um dia, muito em breve, estaria de volta.” – Pág. 240


Sinopse

A Perseguição - Com a morte de seus pais em um acidente aéreo nos Estados Unidos, o jovem Masao Matsumoto herda uma grande fortuna. Ele viaja imediatamente para os EUA e lá descobre que alguém pretende eliminá-lo para se apossar de sua herança. Então, Masao dá início a uma fuga desesperada por um país estranho, onde uma nova ameaça o espreita a cada instante.
Para escapar da perseguição, o órfão vai precisar de coragem e inteligência para vencer um jogo em que qualquer indecisão pode ser fatal. 'A perseguição' é mais um romance de suspense e emoção do consagrado autor de sucessos como 'O outro lado da meia-noite' e 'Conte-me seus sonhos'.


O Autor

Gêneros: Romance

Nascimento: 12/02/1917 – 30/01/2007

Local: EUA – Illinois – Chicago

Biografia: Sidney Sheldon foi um novelista e roteirista.

Nascido Sidney Schechtel, de pai judeu alemão e mãe judia russa, iniciou sua carreira em Hollywood como revisor de roteiros em 1937 além de colaborar em inúmeros filmes de segunda linha. Preferiu trabalhar no cinema do que na literatura por não julgar-se capaz de escrever um livro. Entrou para o Army Air Cops durante a Segunda Guerra Mundial mas não chegou a servir por causa de uma hérnia de disco. Sheldon retornou à vida civil e começou a escrever musicais para a Broadway além de roteiros para a MGM e Paramount Pictures. Foi o criador da série televisiva Jeannie é um Gênio e Casal 20

Fonte: Skoob.


O Livro

Título: A Perseguição

Autor: Sidney Sheldon

Valor de Capa: R$ 32,40 até R$ 39,00

ISBN-13: 9788501041296

ISBN-10: 8501041297

Ano: 2011 / Páginas: 234

Editora: Record

Título Original: The Chase

Tradutor: A. B. Pinheiro de Lemos

Avaliação no Skoob: 3,6


Dialética

A Perseguição é um dos livros escrito por Sheldon direcionado ao público infanto-juvenil, e talvez por isso traga um personagem masculino como protagonista e ainda por cima jovem. Geralmente, nas poucas obras que li dele, os protagonistas eram mulheres.

Umas das particularidades encontradas em seus livros, são os personagens protagonistas serem asiático, melhor dizendo japoneses. Neste livro o protagonista e Massao Matsumoto um adolescente japonês que perdeu os pais em um acidade de aéreo, e por consequência se vê obrigado a viajar para os Estados Unidos.

Lá ele se descobre único herdeiro do pai e do império Matsumoto, e também descobre ser alvo de seu próprio tio que deseja toda a fortuna para si. Daí o título: “A Perseguição”, Massao passa a viver clandestinamente nos EUA tentando fugir de seu possível assassino e quem sabe se vingar dele.

Massao é um personagem um pouco intrigante, Sheldon diferentemente de seus outros livros, voltados para o público adulto, não é caracterizado de forma a se formar uma opinião ao seu respeito, é obvio que você se pega torcendo pelo garoto e até adquiri uma conduta defensiva e protetora em relação a ele, porém, o livro é rápido até demais, logo que se descobre a identidade do vilão, o livro dá uma guinada rumo ao final.

E mesmo que ele possa ser diferente do imaginado, sim isso ocorre muito com as obras de Sheldon, as vezes o final é completamente diferente do que imagina, neste isso não é uma máxima, e fica fácil deduzir como tudo se findará.

O mais difícil de se assimilar é a forma como tudo se desenrola, um jovem japonês desacompanhado, que mal sabe inglês, se vê cercado de ajuda por todos os lados e seus problemas parecem se resolver quase que sozinhos. Esperava mais sofrimento, mais desafios antes do ápice final, queria ver Massao passar por poucas e boas, é claro que seu tio Teruo apronta muito para pegar o garoto, mas nada de grande monta.

O personagem não apresenta um crescimento, ou um aperfeiçoamento que seja, continua o órfão vítima de uma família inescrupulosa do início ao fim, e tem um desfecho em aberto, sem uma conclusão que ao meu ver era necessária.

Portanto, dou-lhe uma nota três com pesar, pois amo os livros policiais de Sheldon, porém, este não me saiu como o esperado. Mas creio que você que busca algo mais leve, porém com um pouco de adrenalina e perseguições alucinantes possa vir a gostar e muito do livro. O qual mesmo tendo sido escrito a um bom tempo, possui uma linguagem de fácil compreensão.

 

3

 

 

http---signatures.mylivesignature.com-54492-348-8CDC41FCD38DF5750D599C05656C608C

 

 

 

4 comentários:

  1. Olá! Conheci seu blog através de uma promoção, e foi uma grata surpresa! Parabéns pelo seu cantinho! Não costumo ler nada de policial, mas meu pai é fissurada nos grandes novos do mundo crime hahaha assim que ele chama, preciso sair da minha zona de conforto e me dedicar a este estilo de leitura!

    Sinta se a vontade de conhecer o meu cantinho tbm!
    Beijos,
    Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joi, obrigado pela visita, fico imensamente feliz em saber que gostou do meu cantinho, quanto ao seu, eu o conheço faz tempo e sempre que tenho tempo livre o visito, embora quase nunca comente.

      Excluir
  2. Julielton!
    Os livros do Sidney Sheldon realmente são ótimos, porém a série infanto juvenil não saiu tão a contento.
    Acredito que arriscou escrever para os jovens, porém não fizeram tanto sucesso quanto seus livros policiais adultos.
    Tive oportunidade de ler toda a série e fiquei um tanto frustrada também na época, de qualquer forma, vale como entretenimento.
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Grande autor ! Adoro os livros dele <3

    ResponderExcluir

Sua opinião é sempre importante, por isso espero seu comentário!
Critique, de sugestões, elogie, comente.

Julielton Souza