12 de nov de 2015

Livro #37: Na Porta ao Lado de Luiza Trigo

na-porta

Na porta ao lado, livro da autora brasileira Luiza Trigo, me surpreendeu. Foi além das expectativas e mostrou o quanto o velho ditado “não se deve julgar um livro pela capa” está correto. Recebi este livro da editora Rocco Jovens Leitores, o qual veio acompanhado de um belo autografo e alguns mimos, botons, marcadores magnéticos, adesivos, enfim, uma finidade de coisas relacionadas ao livro.
Após a conclusiva euforia provocada por um livro autografado, acabei direcionando-o para a estante, onde ficou jogado por um tempo razoável. Até que certa noite, cometi o erro de abri-lo.
Digo erro, porque acreditava se tratar de uma historieta adolescente, cheia de frescurinhas e que eu acabaria desistindo da leitura, mas não foi o que encontrei aqui. A narrativa de Luiza Trigo supera as expectativas e por mais que sim, e uma leitura adolescente, o livro agrega mais do que isso, ele é romântico, engraçado, questionador, e acima de tudo revelador.
O livro Na Porta ao Lado é o segundo livro da série Meus 15 anos, cujo o primeiro livro recebe o nome da série, neste livro acompanhamos a vida de um grupo de amigas, pela visão de uma das garotas do livro anterior, Carol. Embora, se trate de uma sequência, não tive qualquer problema em ler este livro sem ter conhecimento do outro.
Carol é uma leitora como nós do universo da blogosfera literária, devora livros incessantemente, e não estabelece um único estilo, ela gosta de ler, ponto. Algo bem positivo neste livro, foi a autora nomear os capítulos com títulos de livros, dando ênfase a paixão da personagem pela literatura. E gosta também de fazer listas, como aquelas que somos obrigados a fazer em dinâmicas de emprego, o que quero o futuro, o que espero ser daqui a cinco anos, este tipo de coisa. Também, vale ressaltar o gosto por músicas, durante a leitura algumas playlists são montadas e todas apresentam excelentes canções que variam de gênero e época.
Carol acabou de se mudar, a mãe vai se casar novamente, após anos de viuvez, e o pior, o padrasto vem acompanhado de um filho, um garoto que a primeira vista se mostrou horrendo, sarcástico e frívolo. Tomás, é o típico Bad boy dos anos noventa, cabelo estilo Elvis, jaquetas de couro e um ar de que sabe o que está fazendo.
Carol tenta se dar bem com o garoto mas o que consegue é apenas odiá-lo ainda mais. Neste interim ela conhece Bernardo o garoto dos sonhos, bonito, inteligente e adorável.
Entre brigas entre amigas, namorar o gatinho da escola, eventos escolares, e passeios para a casa da avó, a autora consegue captar o universo adolescente, e, é impossível não encontrarmos situações que nos façam relembrar do tempo de escola. É elegante a escrita da autora, que embora tenha toda aquela caracterização adolescente, não perde o conceito de fidelidade a narrativa e as regras da boa escrita. É uma leitura leve, porém agradável, de rápida fluidez. E como disse no início deste texto, foi um erro pegar este livro a noite para ler, pois, acabei virando a noite lendo e enquanto não o finalizei, não consegui dormir.
O final foi bem diferente do que esperava a autora soube bem como surpreender o leitor ao apresentar um final bem diferente dos conhecidos romances adolescentes, mostrando o crescimento da personagem ao longo da trama.
Sobre o trabalho editorial, a Rocco nos apresenta um trabalho impecável, boa diagramação, espaçamento e fonte, a capa no estilo ilustração a mão deu um ar mais jovem a trama, caracterizando-o como o que realmente é, uma história adolescente bonitinha, mas acho que não caiu tão bem como deveria, pois é apenas isto que passa, um livro previsível, com um título bem revelador, mas ele vai além disto, por isso, acho que uma segunda edição e com certeza haverá uma segunda edição os desenhos infantis poderiam dar lugar a algo mais vivo, mas adolescente.
Por fim, atribuo uma nota 5/5 ao livro e recomendo a todos, principalmente as meninas adolescentes e aqueles que estão afim de algo mais leve para intercalar com outras leituras como no meu caso, o li entre minha leitura finalizada de Under the Dome e a mais recente, Los Pilares de la Tierra de Ken Follett e suas 1358 páginas em espanhol.

5[3]

Sobre o Livro

Titulo: Na Porta ao Lado
Autora: Luiza Trigo
Preço de Capa: R$ 13,40 até R$ 25,00
ISBN-13: 9788579802478
ISBN-10: 8579802474
Ano: 2015 / Páginas: 256
Idioma: português
Editora:
Rocco
Gênero: Infantojuvenil / Romance
Sinopse: Com uma carreira em ascensão no segmento juvenil, a carioca Luiza Trigo retoma as personagens de Meus 15 anos – as amigas Bia, Carol, Amanda, Pri e Roberta – e novamente mostra as delícias e as dores da adolescência com leveza, sinceridade e bom humor em Na porta ao lado, seu terceiro romance. No livro, a autora narra as aventuras e desventuras de Carol, que começa o novo ano na escola tendo que encarar não só o casamento de sua mãe e uma mudança de casa, mas também o padrasto como professor e o filho dele como colega de turma. Parece muito azar para uma garota só! Mas muitas outras surpresas aguardam a protagonista, suas amigas e os leitores ao longo das páginas. 
Nota no Skoob: 4.3

Sobre a autora

Gêneros Infanto-juvenil, juvenil. | Local: Brasil - Rio de Janeiro - Rio de Janeiro
Luiza Trigo é carioca e formada em cinema. Seu filme favorito é "O Fabuloso Destino de Amélie Poulain". Sempre adorou ler romances e, desde que criou seu primeiro livro (Carnaval), vem se envolvendo mais e mais com a escrita, mirabolando e inventando novas histórias.
http---signatures.mylivesignature.com-54492-348-8CDC41FCD38DF5750D599C05656C608C[3]Nota no Skoob: 4.8

1 comentários:

  1. Olá.
    Quando vi "Meus 15 Anos", pensei, vou levar porque essa capa é muuuito fofa, mas como já tinha passado da minha cota (juro foram mais de 20 livros so de um lugar kkk), pensei, fica para a próxima (que ate hoje não chegou devido a esse exagero kkkk). Não foi so a capa que me chamou atenção, li a sinopse e gostei do que li de todos ali presentes, confesso adorar estes tipos de livros para me distrair e tirar um pouco do foco de minhas leituras. Com mais certeza ainda esse e os outros livros da autora faram parte de minha estante.
    Foi engraçado ler que você se arrependeu de tê-lo pego a noite; já aconteceu isso comigo também.

    BJsss

    ResponderExcluir

Sua opinião é sempre importante, por isso espero seu comentário!
Critique, de sugestões, elogie, comente.

Julielton Souza