1 de nov de 2014

Influências japonesas: Especial Televisão. Parte III - Animes

Animes

Anime, Animê ou Animé é o nome dado a animações e/ou desenhos produzidos com certas características especificas, como olhos grandes e traços simplificados.
Comumente atribuído a animações produzidas no Japão, o termo anime pois diferentes significados, no próprio Japão anime é o nome dado a qualquer animação estrangeira ou nacional, e pode ter-se originado do termo inglês animation (animação) ou animée (animado) em francês.
Sabe-se que a maioria dos animes existentes possuem suas origens no mangá (revistas em quadrinhos japonesas), mas ainda há animes originários de videogames, música, light-novels e também produções originalmente criadas para a versão anime.
Para se diferenciar um anime de uma animação costuma-se analisar algumas características básicas, como olhos muito grandes e cheios de brilho, as vezes com cores berrantes, e que exprimem emoções perfeitas.
Os animes podem ser criados essencialmente para televisão, filmes ou OVAs, sendo que no Japão sua exibição se dá em horários nobres, o que para nós brasileiros representa o horário das novelas.


Como mencionado nas postagens anteriores os animes possuem grande destaque no Brasil principalmente no início dos anos 80/90 quando a extinta TV Manchete exibia em sua grade sucessos como Cavaleiros do Zodíaco e Sailor Moon. Hoje é difícil encontrar algum adulto entre 26-35 anos que não se lembre com nostalgia de alguma produção japonesa de seus idos tempos de infância.
Para os mais novos, mesmo com a diminuição de animes exibidos em TV aberta, a demanda para o produto é gigantesca, na internet, sites on-demand e fanpages divulgam quase que em tempo real animes exibidos atualmente no Japão.
A influência japonesa estritamente falando dos animes é evidente entre os menores que costumam se aventurar nos mangás e animes baixados da internet, atualmente a milhares de páginas funcionando exclusivamente para a reprodução de animes.
Também existem grandes projetos voltados para a visualização e divulgação gratuita de animes, cito a título de curiosidade as páginas pertencentes a Aliança Project que além de fornecer a exibição online do anime, traz os capítulos recentes de seus mangás de origem, curiosidades, e alguns até mesmo RPGs exclusivos sobre o anime. Acesse: http://www.aliancaproject.com.br/, você vai encontrar páginas exclusivas sobre os animes mais famosos da atualidade, Naruto, One Piece, Bleach, Fairy Tail, Hunter x Hunter, Toriko, Tsubasa, Pokemon, além de páginas destinadas a outros animes, mangás, games, e muito mais.
Todavia, não estamos aqui para falar sobre um anime em especifico, tentaremos agora abordar resumidamente, alguns dos tipos de animes existentes no Japão.
Inicialmente iremos falar sobre os três formatos de comercialização de animes: séries para televisão, filmes e OVAs.

Séries de Televisão

As séries de televisão, são criadas para exibição em canais da televisão japonesa aberta ou paga, e possuem características que os diferem dos outros dois formatos, por exemplo, qualidade inferior aos filmes e OVAs, possuem duração de no máximo 23 minutos, com pequenas cenas anunciando o início e o fim do intervalo comercial, clipes de abertura e encerramento com música e créditos e as vezes previa do episódio seguinte.
Algumas séries possuem poucos episódios de 13 a 26, outros porém ultrapassam centenas, divididos em inúmeras temporadas interligadas e as vezes separadas por exibições de episódios fillers (episódios criados exclusivamente para a televisão e que não são inspirados nos mangás) ou mesmo pelo período chamado hiatos, onde outro anime de menor duração ocupa aquele horário até o retorno da próxima temporada da série.
Geralmente após a exibição completa da série, os episódios são comercializados em DVD ou VHS.
 
Exemplo de Série para a TV: Supernatural The Animation

Filmes

Os filmes possuem qualidades superior à dos animes para a televisão, são exibidos em salas de cinema, não se diferem em quase nada dos filmes que estamos acostumados a assistir no cinema, possuem em média uma hora de duração, com créditos finais e as vezes cenas pós créditos. São em muitos casos versões minimizadas da série de televisão.
Após a exibição no cinema também são comercializados em DVD, e podem compor o mesmo box onde são comercializados os episódios do anime para a TV.

Filme: A Viagem de Chihiro

OVA ou OAV

 OVA ou OAV (Original Video Animation) é o anime produzido exclusivamente para ser vendido em DVD e não para ser exibido na TV ou cinema, são compostos na maioria das vezes de mais de um episódio, e são pouco menores que os filmes.

Filmes e OVAs após a exibição e venda em DVD podem ser exibidos em canais de TV fechadas ou exibidos em on-demand. 
Capa do DVD dos OVAs 3-4 de Fairy Tail

GÊNEROS E ESTILOS DE ANIMES

Para facilitar o entendimento do que são animes iremos exemplificar cada gênero existente. Embora alguns estilos aqui apresentados seja considerado por muitos como uma vertente de um gênero especifico, apresentaremos como um gênero separado para que haja completa compreensão do estilo.

 BISHOUJO ou BISHŌJO

Protagonistas do Anime: K-On!
O termo basicamente significa garota bonita, e, é usado para referir-se a garotas (adolescentes ou jovens) bonitas.
Não é um gênero propriamente dito e não possui público-alvo pra ao programa, refere-se basicamente ao estilo dos personagens e séries que contém as características acima mencionadas.
Em quase sua totalidade animes com essa temática possuem a função da comercialização de suas belas personagens em vez de seu conteúdo ou enredo.
Basicamente os animes bishoujo trazem como protagonistas garotas muito bonitas, com seios fartos, e muitas vezes com exibição de roupas intimas. Há também aqueles que trazem bichinhos fofinhos ou garotos com traços femininos, outros porém são semelhantes em algumas partes com o Harem, e traz quase que em sua totalidade animes com um único personagem masculino cercado por três ou mais meninas bonitas e que possuem intimidade com ele.
Exemplos de Bishoujo ou que possuem elementos bishoujo: Madoka Magica, Sailor Moon, Cutey Honey, PreCure e outros.

Anime: Doki Doki PreCure

BISHOUNEN OU BISHŌNEN 

O masculino para o termo Bishoujo, significa belo jovem (garoto). Exprime o conceito de um homem jovem com beleza que excedem seus limites de gênero e orientação sexual.
Também não é definido especificamente como um gênero e sim um estilo presente em alguns gêneros como shoujo, yaoi e josei.
São direcionados ao público feminino, e seus personagens apresentam características europeias, são altos, esguios e de rostos estreitos, basicamente seus personagens são pessoas perfeitas com aparência andrógena (traços femininos, mas nem sempre são homossexuais), esse tipo de personagem é muitas vezes confundido como mulher, além de não apresentarem gordura ou músculos e nenhum pelo corporal ou facial.
Outra característica própria do estilo são os protagonistas extremamente fortes e talentosos em artes marciais ou esportes gerais, também possuem alta inteligência e trejeitos cômicos.
Exemplos: Inuxboku SS; Spiral, Marginal Prince, Bleach (alguns personagens:  Yumichika, Byakuya, Ukitake, Uryuu, Aizen e o próprio Ichigo), outros.

Personagem Yumichika do Anime Bleach

 CHIBI

Chibi Fan-Art Jack Frost
Também refere-se mais a um estilo de personagem do que um gênero especifico de anime, significa baixinho.
Animes com traços característicos possuem personagens estilizados, com cabeças no mesmo tamanho do corpo, e quase sempre não possuem nariz.
Em alguns casos apenas a cabeça é humana e o corpo pertence a um animal, geralmente gato ou cachorro.
O uso do traço chibi busca um efeito cômico ou mais sentimental, assemelha-se a uma característica do personagem original, mais parecido com uma criança pequena e gordinha.
É mais usado por fãs, e ganham o nome de Fan-Art.
Em algumas séries de animes aparecem ao final do episódio para explicar um conceito ou termo ou apresentar o próximo episódio.
Exemplos: Love Hina, School Rumble, Rock Lee SD.
Personagens Anime Rock Lee SD.

Fontes
Textos: Wikipédia e TV Tropes.
Imagens: Dominio Publico.


0 comentários:

Postar um comentário

Sua opinião é sempre importante, por isso espero seu comentário!
Critique, de sugestões, elogie, comente.

Julielton Souza